A Nintendo vai parar de vender jogos e consoles no Brasil. Pois é.

Tava querendo aquele Zelda novo edição limitada? Esquece, amigo. 
Ao que tudo indica, a Gaming do Brasil (representante da Big N nesse Brasilzão) além de ter tido alguns atrasos nos jogos e nenhuma previsão dos amiibos chegarem aqui no Brasil, parece que agora está fazendo algumas coisas bem piores conosco que ainda preza pelos jogos da Nintendo por aqui no Brasil. A Nintendo não terá mais jogos distribuídos no Brasil. Pois é. 


Ao que aparenta, está ficando difícil para a Nintendo competir com os altos impostos que o Brasil tem com os jogos, principalmente por serem categorizados como jogos de azar e por isso, tem um imposto diferenciado no país. E ao invés de ter uma fabricação local de jogos, a Nintendo preferiu dar as costas ao público Brasileiro. Ao que tudo indica, aquele Zeldinha novo que você quer comprar, ou o Star Fox que uma geração espera, só vai poder ser comprado na loja do Seu Fernando que importa jogos. Ou seja, o mercado cinza comemora enquanto quem não tem oportunidade de ir comprar em lugares assim, sofre esperando para ver se a E-Shop da Nintendo continuará tendo sua versão Brasileira ou teremos que mudar nossos endereços para o Canadá. É triste, chato e com toda a certeza uma certa filha da putagem da nossa querida Nintendinha. Mas fazer o quê, agora teremos que recorrer a Rua da Alfândega, Santa Efigênia e tramoias e esquemas para manter nossos joguinhos. Sacanagem da Nintendo, Sacanagem do Governo e quem sofre com isso é a gente que gosta de jogar videogames. Além de atrasar a indústria no Brasil, isso só faz a Nintendo perder mercado aqui entre aqueles que não são lá grandes fãs da empresa. Se era difícil a galera aceitar o Wii U, agora com jogos não sendo mais vendidos aqui, vai ser mais difícil ainda.

Parabéns pela ideia estúpida e egoísta, Nintendo.

UPDATE: Ao que tudo indica, até mesmo OS CONSOLES não vão ser mais vendidos no Brasil. PORRA, NINTENDO!

Confira Também...

0 comentários