Músicas e Quadrinhos - quando a arte se mistura

 Com toda certeza música e quadrinhos são duas de minhas maiores paixões, e claro de grande parte de cada amante de todo tipo de cultura.. Pensando nisso e também na treta do Zé Ramalho que foi notícia por ai, o HQFan decidiu criar uma lista de algumas obras musicais que tiveram influência de páginas de HQs.


 Ramones- "Spider-Man" (1995)

Um cover do tema clássico do Homem-Aranhaa versão dos Ramones foi lançada em seu álbum Adios amigos. Com direito a clipe animado com o teioso....




.Moe - Capitain America (1999)

'Capitão América disse que você tem que ser como eu ou vai acabar morto' , a música ainda cita uma guerra entre mundos e fala de Clark Kent concorrendo a presidência. 



Manowar, "Thor (The Powerhead)" (1984)

Não necessariamente ao personagem Marvel mas ao Deus que originou o mesmo. Com o coro esmagador e uivante temos essa para quem gosta de Heavy Metal e do Deus do trovão.  Thor the brave !!!



Suicide - Ghost Rider (1977)

A música que abre o disco de estreia do grupo é de fazer a mente imaginar o crânio em chamas, a estrada escura e o heróis em labaredas sobre sua moto. Apesar de Ghost Riders in the sky, de Jhonny Cash ter se tornado uma espécie de hino do motoqueiro fantasma. 'bebebebe um grito à juventude'.

  

Jim’s Big Ego - The Ballad of Barry Allen "(2003)

A música é uma homenagem ao Flash. O mais interessante é que a letra tenta captar como o herói enxerga os detalhes a sua volta, de maneira mais lenta, e assim deixa um ar de melancolia com a solidão experimenta por ele. Uma ótima letra: 
'E você diz que o tempo passa correndo mas parece tão lento para mim'


 Paul McCartney & Wings - Magneto And Titanium Man (1975)

Paul McCartney demonstrou ser um fã de quadrinhos da Marvel quando escreveu esta canção. Ele cita dois inimigos do Homem de Ferro (Homem Titânio) e Magneto, na música três vilões estão alegando que a namorada do narrador, que é policial, está planejando um assalto a banco. Em 1975/76, durante a turnê imagens de quadrinhos desenhados pelo lendário Jack Kirby foram projetadas em telão.


The Traits - Nobody Loves the Hulk (1969)
Curiosamente gravada em garagem e vendida em algumas edições da Marvel nos anos 60, a canção retrata a origem do Hulk e capta inclusive o sentimento de exclusão dele nos quadrinhos : 'Ninguém ama o Hulk'. Também há uma frase: 'Nós não permitimos pessoas de pele verde aqui'




Our lady peace - Superman's dead (1997)

Não e novidade que o queridinho dos quadrinhos morreu nos anos 90, e o autor da música disse que a letra é para mostrar um pouco sobre a pressão da mídia sobre o crescimento dos jovens. Ele não acredita que o Superman morreu, mas não precisou mesmo, pois não demorou muito e o kriptoniano voltou a vida.





 Anthrax - I am the law (1987)

Dedica ao Juiz Dredd a música é totalmente dedica a cultura do personagem da 2000 AD. O refrão é poderoso, 'eu sou a lei!', além disso a banda cita que o livro da lei é a bíblia dos juízes e que ele é o cara.


R.E.M - Superman (1986)

'Eu sou o Superman e não posso fazer nada', a música é um hit da banda R.E.M que não tem nada demais mas fez sucesso.


Snoop Dog - Batman and Robin (2002)

O rapper fez uma homenagem ao morcego sampleando a trilha do seriado clássico e colocando as rimas em cima.



Five for fighting - Superman its not easy

Ser o Superman não é tão fácil, é o contexto da música da banda Five for fighting. 'Não suporto voar ... até heróis querem sangrar' diz a letra que é um lamurio do herói por sua condição sobre humana. 



Kirby Krackle “Ring Capacity” (2010) 

Uma música dedicada totalmente a mitologia do Lanterna Verde, que tem Kirby no nome (uma homenagem aos efeitos de feixe de energia desenhados pelo mestre). Ring Capacity tem um clipe animado com os heróis e sobre a perseguição do cara de roxo (Sinestro).


 
 Rancid - Side Kick (1994)

Para quem acha repulsiva a ideia de ser um ajudante de herói, deve ouvir a banda Rancid declarar: 'Tive um sonho, eu era um sidekick de um vigilante. Meu nome é Tim e sou menos conhecido...' Não da para saber se é Tim Drake na letra mas entra na lista...



 Queen - Flash (1980)

Criada como tema do filme Flash Gordon de 1980, a música é famosa. Agora o filme... Mas segundo o Queen o Flash é o salvador do universo.



No Brasil

Algumas influências que geraram músicas em terras 'brazilis':

Jorge Vercillo - Homem-Aranha

Como não podia deixar de ser, o herói agora vive em Brasília e até sob em telhado para ajeitar a antena da TV e tem que dar cabo de cuidar de criança. 



Boca Livre - Gotham City 

Uma crítica ao Brasil (o comparando a caótica cidade do Batman) além de uma linda referencia ao personagem da DC. 'Há um morcego na porta principal'



Arrigo Barnabé - Tubarões Voadores

Apesar de não ser uma música direcionada aos quadrinhos americanos, Arrigo que é fã de quadrinhos decidiu com apoio de Luiz Gê no encarte do disco Tubarões Voadores fazer uma HQ que complementa a música.Vale citar:


 

Plágio Ramalho - Kriptônia

Fã declarado de quadrinhos, é impossível dissociar Kriptônia de Kriptonita, e apesar de não ser claro na letra, o cantor dá a entender que falamos de uma disputa divina e algo próximo a origem do Superman.

Esse o cometa fulgurante que espatifou.
Um asteroide pequeno que todos chamam de Terra
 
 
 


Era isso,  o post já ta imenso, vão comentando as suas lembranças de música nos comentários. E para quem ficou com vontade de saber do que se trata a treta do plágio do Zé Ramalho leia aqui o fato



Confira Também...

0 comentários