Michael B. Jordan responde às críticas racistas por ser o Tocha Humana negro


Em texto publicado no site da revista Entertainment Weekly  o ator responde aos "não racistas" da internet sobre o fato de ter sido escolhido pra interpretar o personagem da Marvel, originalmente um caucasiano. Confira a tradução exclusiva:

Tocha Humana original, de 1939, contra o Namor

"Você não deveria ir na Internet quando você está escalado como um super-herói. Mas depois de virar Johnny Storm em Quarteto Fantástico - um personagem escrito originalmente com o cabelo loiro e olhos azuis - eu queria verificar o que rolava lá fora. Eu não queria  ignorar o que as pessoas estavam dizendo. Acontece que isso é o que eles estavam dizendo: "Um cara negro? Eu não gosto disso. Eles devem estar fazendo isso por conta  do presidente  Obama "e" Não é igual aos quadrinhos." Ou ainda:"destruíram-no! "

Versão atual do herói

Eu costumava não ligar, mas não dessa vez. Eu vejo a perspectiva de todos, e sei que não posso pedir pra  que esqueçam 50 anos de histórias. Mas o mundo é um pouco mais diverso em 2015 do que era quando o Quarteto foi criado em 1961. E mais, se Stan Lee escreve um e-mail pro meu diretor dizendo "Está tudo bem. Estou ok com isso.", quem sou eu pra discordar?

Chris Evans, versão cinematográfica anterior do herói

Algumas pessoas podem ver minha escalação como politicamente correta ou uma tentativa de cota racial, ou como parte do ano do "Cinema Negro". Ou podem olhar como umaescolha criativa do do diretor, ele mesmo integrante de um relacionamento inter-racial - uma reflexão sobre o como uma família moderna parece hoje em dia.

Nick Fury original e cinematográfico

Este é um filme família sobre 4 amigos - sendo dois deles Kate Mara, minha irmã adotiva, e eu - que passam juntos por uma série de situações difíceis para se unirem e formarem uma equipe. Essa é a mensagem do filme, se as pessoas se permitirem ver isso.

Reis do Crime

Ás vezes vocẽ precisa ser a pessoa que se levanta e diz, "Eu serei quem vai limpar todo esse ódio. Eu darei exemplo para as próximas gerações." Eu tomarei a responsabilidade pra mim, Pessoas estão sempre vendo as outras erym termos de raça, mas talvez no futuro nós não falemos tanto sobre isso. Talvez, se por exemplo Hollywood começar a considerar mais pessoas negras para papéis proeminentes, e talvez possamos  que estão com o pensamento fechado sobre "não ser igual às hq's". Ou talvez possamos ensinar às pessoas sobre o passado.

Jamie Foxx e o Electro

Para os trolls da internet, eu digo: Tirem suas cabeças da internet. Saiam e deem uma volta. Olhem pra quem está à sua volta. Olhem seus amigos e interajam com eles. E entendam o mundo onde vivemos. É legal gostar disso."
Curiosamente não se vê essas reações "não racistas" contra mudanças de etnia quando o personagem muda pra ser interpretado por um ator branco.

Moisés britânico

Príncipe branco da Pérsia

Índio ariano

Tibetanos de olhos azuis

Mó cara de palestino

Puxando o tapete do Bruce Lee




El poderoso chiefón non accepta el Oscar

Confira Também...

0 comentários