Resenha: Game Of Thrones 5x1 The Wars to Come


Quem não gosta de dragões e peitinhos?
Resenha voltada para quem já assistiu o episodio. 

Olá meu xuxuzinhos, voltando com uma resenha atrasadinha do primeiro episodio de Game Of Thrones para vocês. Vou tentar resenhar todos os episódios dessa temporada, então eu já estou atrasada.

Nesse episodio: Cersei e Jaime se adaptam a um mundo sem Tywin. Varys revela uma conspiração para Tyrion. Dany enfrenta uma nova ameaça a seu reinado. Jon é pego entre dois reis.

A série retorna mostrando um flashback envolvendo nossa queria Queen Bee of The Pussy Power Cersei. Cena de extrema importância nos livros, pois é contado que o valonqar (irmão mais novo) ira estrangulara até a morte. E justamente o trecho que mostra o porquê o ódio da nossa querida rainha ao seu pequeno irmão.
                          
E quando as vossas lágrimas vos afogarem, o valonqar enrolará as mãos na vossa pálida garganta branca e estrangular-vos-á até vos roubar a vida.
E a cena muda a quantidade de filho de Robert, o que é estranho porque três dos quatro filhos dele que apareceram na série. Após isso é mostrado o velório de Tywin, onde graça aos 7, Cersei e Jaime. Nem mostra ela matando a amiguinha que estava afim do Jaime, mas mostra a parte que ela descobre que todos os seus filhos morreram por ouro e que ela será substituída por uma rainha mais jovem. Eles não repetem  o que fizeram no velório do filho e mostram o realinhamento das forças de poder, a influencia da Margaery e os Pardais.
           Na cena seguinte vemos Sansa e Mindinho preste a deixar o Vale e Brienne e Pod indo de encontro a eles.
Esperando o Ramsay brincar de Joffrey com a Sansa

           Na Muralha a o cruzamento do núcleo do Stannis e da Patrulha da Noite. Vemos Mance ser morte e mostra como os produtores da série vão deixar personagens fodas de lado. Dó do Ciarán Hinds ter sido tão mal aproveitado. E temos Melisandre mostrando pro João Neves o que é ser beijada pelo fogo.



           Em Pentos é mostrado Varys e Tyrion após a fuga de Porto Real, ainda abalado com os assassinatos que cometeu, surge a chance de ajudar Dany a lida com os dragões e na administração do seu reinado.


           Em Meereen, vemos a Daenerys Targaryen, Filha da Tormenta, a Não Queimada, Mãe de Dragões, Rainha de Mereen, Rainha dos Ândalos e dos Primeiros Homens, Quebradora de Correntes, Senhora dos Sete Reinos, Khaleesi dos Dothraki, a Primeira de Seu Nome, tendo problemas em conciliar os Escravos Libertos e os Antigos Mestres, e o surgimento dos filhos da Hárpia que querem derrubar o seu governo. E seus filhos crescendo e putos porque a mão não deixa eles saírem pro role.
  Bom o primeiro episodio foi esse, esperando por Dany e Tyrion causando em Meereen, por João Neves se fudendo por gostar selvagens e por Sansa causando em Winterfell

Confira Também...

0 comentários