Super Girl Piloto Resenha



Pois é Molecada o piloto da Super Girl vazou, então resolvi fazer uma resenha do piloto

Kara Zor-El, prima de Kal-El (Superman), após testemunhar a destruição de seu planeta, Krypton, é enviada para a nossa galáxia, sua familia foi avisada por Jor El do que estava acontecendo, ela morava em uma colonia espacial que vou evacuada, infelizmente a catástrofe destruiu a maior parte das colonias e abriu uma fenda na zona fantasma, Supergirl acaba indo parar em um planeta para a Terra porem ela chega mais tarde sem envelhecer na terra e é encontrada pelo Superman (sim ele aparece mas sem mostrar o rosto, mesmo assim sua presença é marcante), ela é adotada pela família dos Danvers (que foi ajudada e ajudaram o Superman) e é ensinada a manter seus poderes em segredo, 

Kara com sua irmã adotiva, Alex (Chyler Leigh). Agora, vivendo em National City, Kara trabalha como auxiliar da magnata da mídia, Cat Grant (Calista Flockhart), que contratou o ex-fotógrafo do Planeta Diário, James Olsen (Mehcad Brooks), como seu novo diretor de artes. Mas então, após 12 anos escondendo seus poderes, um desastre faz com que Kara se veja forçada à utilizar seus poderes e ela acaba se tornando uma heroína pública. Decidida a seguir o mesmo caminho de seu primo, Kara oferece ajuda à Hank Henshaw (David Harewood), chefe de uma agência secreta, onde sua irmã trabalha, que tem o objetivo de manter a Terra protegida de alienígenas e outras ameaças externas. Kara então decide finalmente abraçar suas habilidades sobre humanas e ser a heroína que ela sempre sonhou, ficando conhecida como Supergirl.

A historia é bem construída, Supergirl é bem parecida nos valores e heroísmo do superman tradicional, aquele que todos admiramos ( ao contrario do superman do homem de aço que ainda não chegou lá, mas acredito que vai um dia), o alter ego da Supergirl é o Clark Kent de saias, ajuda ela a esconder sua verdadeira identidade, ao mesmo tempo permite a ela ter uma vida normal, ela vence seu primeiro inimigo lenhador não só usando suas proezas físicas, mas também sua inteligencia, o que para mim faz dela uma heroína completa, sinceramente a serie me surpreendeu positivamente, ela cria sua própria identidade icônica, sem precisar de copiar de outras series, ela tem seu proprio tom e usa muito de referencias de quadrinhos, um ótimo começo para um piloto e espero que tenha mais da Supergirl.

As lutas estão muito bem feitas, bem como os efeitos especiais que são naturalmente indispensáveis para contar sobre um personagem do nível de poderes da Supergirl

nota para o piloto 7,5

de uma conferida para ver a serie aqui na Toca do Coelho


Confira Também...

0 comentários