CROSSED!

Já leram ou assistiram Walking Dead?
Acharam que a ideia é boa mas mal aplicada?
Então, Crossed é Walking Dead, só que bem feito!
A diferença é que você tira os zumbis (que em TWD já não fazem diferença mesmo) e coloca pessoas normais, mas que ao serem "infectados", assumem uma cruz de sangue no rosto e continuam sendo pessoas, só que extremamente violentas.




Crossed é uma HQ que se passa num mundo em que as pessoas enlouqueceram, talvez por uma praga, ou um castigo divino, não se sabe ao certo, e começam a fazer coisas que uma pessoa civilizada e em sã consciência não faria.
Sabe quando você evita arrumar uma briga com alguém na rua por auto-preservação, porque sabe que o outro cara vai revidar? Então, imagine que a maioria das pessoas perderam essa noção, e decidem agir apenas por impulso, o tempo todo!



Porém há alguns que não foram infectados por essa praga, e lutam pela sobrevivência e para se manterem lúcidos, pois o nível de escrotidão é algo que só Garth Ennis poderia idealizar.
Se achava que The Boys era violento, é porque você ainda não viu Crossed.



Só pra ter uma ideia do nível, logo na primeira história em que somos apresentados ao grupo principal de sobreviventes, vemos uma família padrão, um papai meio nerd com sua mulher e filha. Não dá pra se apegar profundamente pois acabamos de conhecê-los, mas isso não diminui o impacto de quando chegamos no final da história e vemos o pai e a mãe sendo estuprados pelos crossed enquanto a filha é rasgada ao meio no fundo da página.
Isso ai, pra quem tá começando a ler, já toma um tapa na cara!


Desnecessário dizer que a HQ é recomendada apenas para maiores de 18, né?


Confira Também...

0 comentários