Análise - Steins: Gate

Qualquer coisa que tenha como tema viagem no tempo chama a minha atenção. 

Todas as teorias, possibilidades, diferentes universos que são criados. O mais interessante é criar uma narrativa que seja interessante e que, de acordo com as regras da física no mundo real, tenha alguma credibilidade.

E o anime Steins: Gate faz isso muito bem. Você tem paradoxos, em que o tempo atua de forma cíclica, e você tem o efeito borboleta, em que um ato aparentemente irrelevante no passado altera de forma absurda o futuro. 


Mas e é só a viagem no tempo que é o maior atrativo do anime? Não, e é nisso que ele se destaca, pois seus personagens são caricatos, mas com sentimentos e personalidades completamente diferentes.
Sem falar no extremamente carismático protagonista que se considera um cientista louco por hobby, mas a medida que o anime vai passando e ele vai se aprofundando no paradoxo, começa a realmente se aproximar da loucura.
 
(Videozinho idiota mas legalzin)


Anime recomendadíssimo para pessoas que gostam de histórias de mistério/viagem no tempo, do tipo que você vai sentir falta quando terminar de assistir. E está planejada uma sequencia chamada Steins; Gate Zero em breve.

Confira Também...

0 comentários