Flash - o problema quando mexem com viagens no tempo!



Então, meus amigos, a série do Flash está chegando na conclusão da sua atual temporada. Admito que não acompanho semanalmente os episódios, mas recentemente conferi o capítulo 17(?), aquele em que o suposto Jay Garrick conta como conseguiu ter dois dele ao mesmo tempo.
Bom, indagado por Cisco, Jay responde que aquilo não foi nenhum tipo de ilusão criada pela sua velocidade - o mesmo diz que nem se fosse o ser mais rápido de todos, não seria capaz de fazer tal ilusão - e sim, que realmente tinham dois dele no mesmo lugar e na mesma hora. E o mais incrível, aquele que morreu foi a sua versão do passado que fora convencido por sua versão mais velha, que seria um ótimo plano ser assassinado e deixar o do futuro seguir em frente! Está complicado entender? Pois é. Ignorando que este é um dos planos mais idiotas que já vimos, ele não faz sentido por vários fatores. Se liguem

 
A teoria da ilusão ficaria menos ridículo!

  • A própria série mostra que, quando a versão mais nova morre, todas as versões do futuro deixam de existir

  • Quando o Edward Thawne se matou no final da primeira temporada, o Flash Reverso deixou de existir imediatamente. E isso que nem eram a mesma pessoa, mas, teoricamente, toda a linhagem do Thawne foi destruída naquele momento

  • Como o Zoom conseguiu viajar e voltar para as épocas corretas, se o mesmo diz que sua velocidade estava fraca devido a sua doença. Essa foi uma das razões dele roubar a velocidade do Flash?
Na minha temporada isso não valeu!

O que vosmecê achou disso? Bom, isso mostra o quão é difícil ser roteirista de uma série de tv. Os caras têm que lembrar sobre tudo que escreveram em todas as temporadas, senão vêm os nerds, que não têm nada para fazer, e ficam apontando os erros!  Mas, convenhamos, nem faz tanto tempo assim, para os caras esquecerem ou ignorarem o seu próprio conceito!

Confira Também...

0 comentários