Renascimento Arqueiro Verde e Lanterna Verde


O Arqueiro Verde sempre foi um personagem de tom cinza, ele sempre foi alguém que lutou pelo que acreditava, mas também é um personagem de diversas falhas, essas facetas estão sendo exploradas em Rebirth na primeira edição, apesar de achar que foi feita de maneira meio caricata para ele se sentir culpado de ser rico, quando ele usa sua fortuna para ajudar as pessoas em dificuldade.

O escritor já afirmou que o arqueiro vai ficar pobre por livre vontade e por seus ideais, a historia é muito boa e de cara você consegue sentir o Arqueiro Verde e a Canario Negro de verdade, longe do que estava antes nos novos 52.

nota 7



Podemos ver que a ex Lanterna Verde do universo onde só existem vilões conseguiu se livrar do anel parasita e conseguiu ganhar seu próprio anel dos lanternas verdes, apesar de ser estranho pois o anel parasita só escolhe pessoas que tenham muito medo e o anel dos lanternas verdes pessoas que conseguem superar o medo, mesmo assim ela é uma personagem interessante para trama.

Mas ai acontece que o babaca do Hal Jordan chega julgando os lanternas inexperientes e funde as baterias deles para que trabalhem juntos (?!), esse tipo de poder eu nunca vi os lanternas terem, ele diz que é para ajudar eles, mas vendo o histórico do Hal Jordan em fazer merda pareceu mais uma babaquice e cara de pau, mesmo assim foi uma boa historia e ao que parece os lanternas vão voltar a ser uma força de defesa da paz intergaláctica de fato, especialmente na Terra onde existem 5 lanternas verdes.

nota 7,5

Rebirth começou muito bem, assim como as primeiras revistas que saíram da nova fase da DC

Confira Também...

0 comentários