A Evolução dos Vulcanos em Jornada nas Estrelas


(O primeiro contato entre Vulcanos e Humanos)

Os Vulcanos tiveram o primeiro contato com os humanos após o primeiro voo de dobra espacial feito pela humanidade, mas apesar de serem uma raça instrumental para tornar a humanidade pós guerra nuclear do que seria em Jornada nas Estrelas, eles foram uma raça também em constante evolução assim como os humanos durante sua jornada.


(Surak o maior de todos os Vulcanos na serie original)
Após séculos de guerras e hostilidades, os Vulcanos finalmente descobririam a paz global e se tornariam uma sociedade logica e espiritual após Surak começar seus ensinamentos, mas assim como diversos lideres religiosos e figuras históricas eles seriam deturpados após algum tempo, apesar da sociedade vulcana adotar a maioria de suas disciplinas, muitos negaram sua parte espiritual como a União de Mentes e a transferência e existência da alma quando foi criado o Alto Comando Vulcano que administraria a raça dos Vulcanos com pura logica.

Os Vulcanos se dividiram em 3 tipos os que abraçaram totalmente a doutrina de Surak que seriam vistos como extremistas e renegados, os que simplificaram ela que foi grande parte dos Vulcanos e um grupo dissidente que rejeitou totalmente ela e foi pelo espaço em busca de um novo mundo chamado de Romulanos (Bom mas estamos focando aqui só nos Vulcanos).

Depois de séculos toda sociedade Vulcana mudaria novamente ao encontrar a humanidade, uma raça que tinha acabado de sair de duas guerras globais, uma a guerra eugênica a outra chamada 3 guerra mundial, um mundo dividido em facções milicianas que os Vulcanos ajudariam a criar um governo global e uma quase utopia, mesmo assim os Vulcanos não eram livres de preconceito, eles viam os humanos como inferiores e essa postura arrogante as vezes causava problemas entre as duas raças, sem falar que eles tinham preconceito com aqueles que praticavam de forma purista os ensinamentos de Surak e praticavam união de mentes, a sociedade Vulcana era rígida e puramente cientifica, mas possuia um lado negro, se envolvendo em conspirações galáticas e expandido seu território, se envolvendo em guerras com outras especies (como os Andorianos).


(Surak aparece para Archer após ele receber seu Katra na serie Enterprise)
Eles mudariam quando o Katra de Surak (sua alma, memorias e essência) foi transferido para o Capitão Archer da Enterprise, ele encontraria os textos antigos de Surak com isso, mudando radicalmente a visão dos vulcanos sobre os ensinamentos, depois disso os Vulcanos permitiram a união de mentes e se tornariam um povo pacifico, dedicado somente a ciências, transferindo a responsabilidade de policiar a Galaxia para a humanidade, eles ficariam em paz com os Andorianos, junto com eles e a humanidade também ajudariam a formar a Federação Unida dos Planetas.

Os Vulcanos voltaram a ser uma raça mais espiritual e tradicionalista com isso, se mantendo longe dos conflitos, mas ajudando com seus avanços científicos a federação, apesar disso eles ainda possuíam naves para se defender de invasores, uma tripulação vulcana era considerada "perfeita" mesmo para os padrões da federação segundo Spock na serie original, desprovidos de medo e agindo por pura logica.

Os Vulcanos tinham um certo preconceito com mestiços (como é mostrado na serie animada de Jornada nas Estrelas), mas muito menor que o preconceito que os humanos teriam com mestiços espaciais na serie original, mesmo assim esse fato foi alterado e o preconceito vulcano foi aumentado na linha temporal alternativa do Reboot de Jornada nas Estrelas.


(Spock, o primeiro Vulcano oficial da Frota Estelar)
Depois que Spock se tornou oficial da Frota Estelar e mais tarde embaixador da Federação (Apesar de Tpol ter sido uma representante Vulcana ela nunca se tornou oficial de fato da Frota), muitos vulcanos entraram na Frota Estelar, se tornando até alto oficiais dentro dela,

Os Vulcanos liderados por Spock lideraram seus esforços na reunificação com os Romulanos, para trazer finalmente paz entre os dois povos separados por séculos, grande parte do governo Romulano foi contra, levando a perseguição, mas eventualmente Spock conseguiria o impossível, depois de ter ajudado a trazer paz entre a Federação e o Império Klingon que se uniu a ela.

Os Vulcanos continuaram com suas tradições culturais, mas agora abraçando a mistura de sua especie com outras raças, finalmente tendo paz com o povo Romulano.
(Spock da linha alternativa testemunha o fim de Vulcano)
Apesar dos Vulcanos serem uma especie vital para a mitologia de Jornada nas Estrelas, foi decidido no Reboot que a especie seria praticamente extinta, na linha temporal alternativa um grupo renegado de Romulanos após testemunharem o fim de Romulos devido a experimentos de seu mundo, culparam a Federação, decidiram então voltar no tempo, criando assim uma linha alternativa no tempo, eles foram seguidos por Spock da linha do tempo que se originaram, apesar de seus esforços Spock não conseguiu impedir que eles destruíssem Vulcano dessa linha temporal utilizando uma nave mineradora modificada com tecnologia séculos mais a frente, a raça vulcana se viu novamente em grave perigo como nunca antes, a raça ficou praticamente extinta com pouquíssimos membros, mais tarde os Romulanos se aproveitariam desse fato para tentar uma invasão em seu novo planeta para exterminar completamente eles.
(Spock da linha do tempo original tenta ajudar sua raça na linha alternativa)
Apesar de seus alertas e contribuição para salvar a Federação, o Spock da linha do tempo original foi expulso de seu povo, considerado um não vulcano, ele dedicou sua vida a proteger seu povo, mas foi visto como um estranho entre eles por poder contaminar a linha temporal sendo responsabilizado pelas ações do grupo renegado de romulanos que destruiu vulcano, apesar disso ele continuou a dedicar pela sobrevivência de seu povo nessa nova linha temporal, quando os romulanos mandaram sua armada para atacar vulcano, ele avisou a federação e com os esforços combinados de naves da frota estelar e dos vulcanos conseguiram impedir a extinção total do povo vulcano, sendo finalmente reconhecido como herói, mais tarde após sua morte ganhando uma estatua em vulcano, a menor delas a pedido do próprio Spock na mesma estatura que ele, pois segundo Spock não seria logico ter uma maior.

O destino do povo vulcano é incerto nessa nova linha temporal, já que a contra parte de Spock nessa linha é totalmente emotivo e muitas vezes ilógico, a raça vulcana parece a beira de extinção, mas com sua logica e valor talvez consigam sobreviver ao reboot.

Confira Também...

0 comentários