Superman 3 Rebirth

Depois dos acontecimentos da Edição anterior, Super Homem leva Lois e seu filho para a fortaleza da solidão, afim de descobrir mais sobre o desenvolvimento dos poderes de seu filho, quando subitamente encontram com o Erradicador dos novos 52.

O Super acaba tendo que sair na porrada com ele, que parece querer utilizar o Super Homem para reviver Krypton,  depois que o Erradicador corre para salvar sua família de ser soterrada, Super Homem acaba percebendo que o Erradicador não é um inimigo nesse universo, eles começam a analisar a biologia do filho do Super Homem, como ele é um meio Kryptoniano sua biologia é diferente tanto do Super Homem quanto de Lois Lane.

Erradicador acaba contando que no universo novos 52, ele e uma serie de androides foram criados por Zod, como armas kryptonianas que eram utilizadas para prender Kryptonianos foras da lei,  esses androides do modelo dele, tem a capacidade de sugar a energia vital de Kryptonianos, os corpos dos criminosos eram botados em dormitórios criogênicos e suas mentes ( e almas talvez) eram levadas a zona fantasma para julgamento.

Após a explosão de Krypton o erradicador procurou pelo ultimo Kryptoniano chegando na terra, ao ver que o gene dos Kryptonianos eram compativeis com o dos humanos, ele percebeu que poderia restaurar krypton com mestiços,  mas retirando a parte humana deles, o erradicador sem falar nada solta uma energia no filho do Super Homem (que falta de educação hein?),  o filho do Super Homem parece melhor, mas o erradicador mata Krypto ao tentar defender o filho do Super Homem.

Super Homem e seu filho decidem se vingar e dar uma surra no Erradicador, mas a edição acaba por ai.

Não curti a morte do Krypto, mas sempre achei o personagem desnecessário, não vejo utilidade em um supercão, mas existem muitas crianças que gostam do personagem, então achei desnecessário.
nota 7,5

Confira Também...

0 comentários