Porque DC Rebirth está dando tão certo

Então, fazia décadas que a DC não vencia a Marvel nas vendas gerais de Hqs e não conseguia conciliar seus fãs novos com os antigos, mas dessa vez aparentemente está dando certo.
Existem dois tipos de leitores, os leitores casuais ou seja os que as vezes compram quadrinhos  para tentar voltar a acompanhar o que está acontecendo ou só uma revista a qual eles gostam e tem os leitores viciados os que vão toda a semana nas bancas ou compram quadrinhos, eles são os que movimentam o mercado de quadrinhos comprando as vezes tudo que sai de acordo com o tema que ele gosta, seja super heróis ou não, nesses dois grupos existem leitores novos que começam a ler quadrinhos por diversos motivos, seja pelo fato de terem gostado de algum filme, serie, desenho ou simplesmente pela recente popularidade de um personagem, assim querendo saber mais sobre ele, ai aos poucos começa o vicio, ele começa a ficar interessado em todos os personagens que fazem parte desse universo e suas historias, mas tem o lado negativo daquela velha briguinha DC Versus Marvel, que é bem antiga, apesar de eu por exemplo adorar os dois universos.

A Razão pela qual DC Rebirth funciona é pelo fato de misturar o antigo com o novo, para os fãs que acompanham o universo do pós crise (que foi substituído pelos novos 52), ou até mesmo os que conhecem o universo apenas por outras mídias ou só a partir dos novos 52, tem conceitos bem profundos e solidificados como esses heróis são icônicos e tem uma mitologia já realizada sobre suas personalidades, que são definidos por suas experiencias, as mitologias do universo DC como a "Força da Aceleração" bem como a popularidade da personalidade de Wally West no universo DC foi algo que acabou mesclando com o Flash em diversas mídias, mudando até mesmo a personalidade de Barry Allen quando este retornou ainda no pós crise, bem como sua adaptação na serie de tv do cw, trazendo todo um legado para o Flash que uniu todos os velocistas do universo dc, o mesmo vale para todos os outros personagens grandes da DC, existia um arquétipo de personalidade que ressoa na maioria de suas adaptações, ao qual alguns personagens não estavam funcionando nos novos 52, mesmo com a ideia do reboot, apesar de muitos continuarem acompanhando os quadrinhos da DC, uma grande parte dos fãs ao verem mudanças radicais de personalidade e origem, sentiram como se o universo DC estivesse jogando fora quase tudo que tinha de bom, como se eles estivessem meio que expulsando os leitores antigos para focar nos novos, que apesar desse foco não funcionou para isso, a insatisfação desse grupo acabou refletindo nas vendas e criticas quanto aos novos 52 e sem ainda atrair novos leitores.

A saída do reboot a partir do numero um inicialmente atraiu alguns leitores novos, mas até mesmo eles sentiram as mudanças nas personalidades dos personagens que já estavam solidificadas em outras mídias que se basearam em décadas de existência, mesmo para eles  personagens como o novo Super Homem era estranho, longe de ser o ícone de heroísmo que era o Super Homem em outras mídias,  foi justamente as mudanças para atrair novos leitores que afastaram os leitores novos do personagem, assim como os antigos, para ambos os grupos o Super Homem era um personagem sábio, cuja humanidade o guiava e o destacava mais que seus poderes, ele era um simbolo de esperança e não de rebeldia como foi a sua representação dos novos 52, então para leitores tanto novos quanto antigos as historias pareciam estranhas, isso levou a diversas tentativas de modificar o personagem para atrair novos leitores, mas que nenhuma delas funcionou, até que eventualmente aconteceu sua morte durante Rebirth trazendo o antigo Super Homem de volta, que ao que parece é amado tanto pelos leitores novos quanto pelos antigos, o desafio não é voltar ao antigo, mas reconhecer que existe sim uma personalidade distinta aos personagens que depois de décadas criaram vida própria na mente dos leitores, por isso caso eles não tenham o que eles querem, eles simplesmente vão largar, apesar do vicio ser forte e mesmo odiando historias os leitores antigos continuaram acompanhando, porem os leitores novos e casuais simplesmente vão desistir de acompanhar algo que eles não acreditam que seja crível para os personagens, o que recentemente tem acontecido com a atual fase da Marvel nos quadrinhos.

Com DC Rebirth temos o melhor dos dois mundos, temos todo o universo criado pelos novos 52 que foi promissor, mas temos os personagens novamente com suas personalidades criveis e com historias que inspiram heroísmo, apesar de ainda existir diversos problemas eles ficam de lado graças a vantagem de ter personagens criveis novamente, toda a mitologia criada durante os novos 52 continua lá, mas temos os personagens com suas personalidades criveis de volta, sem falar de personagens antigos que foram deixados de lado retornando como Wally West para agradar os fãs que podem ser usados para "melhorar" situações dentro do novo universo DC, temos novamente personagens icônicos, com convicções, méritos e heroísmo a qual os fãs querem, mantendo o novo status quo que os fãs gostaram e trazendo de volta coisas do universo pós crise que os fãs antigos gostam, criando a formula perfeita, que parece estar batendo de frente com a Marvel e conseguindo vencer.

Confira Também...

0 comentários