Mulher Maravilha 8 rebirth

Então, depois que o escritor Greg Rucka parou o arco de historias no presente para contar a nova origem da Mulher Maravilha, ele terminou finalmente seu arco na edição passada e nessa edição voltou a contar as origens de outros personagens da Mulher Maravilha.
Barbara Ann Minerva (a mulher leopardo) desde sua infância era considerada uma pessoa brilhante, porem ela vivia com fantasias dos mitos gregos e romanos, o que seu pai que era extremamente rico achava errado, pois ela deveria amadurecer cedo, para ser a herdeira dele, ela vivia brincando imaginando ser uma guerreira ou amazona, mas seu pai disse que apesar de lamentar a perda de sua mãe, achava que era momento dela crescer, ele então queimou seus brinquedos e disse que se orgulhava dela, mas que ela deveria amadurecer logo.

Depois que ela conheceu a Mulher Maravilha, Barbara começou a acreditar no impossível e se voluntariar em escavações em busca de artefatos sobrenaturais,  possivelmente um tumulo fora da ilha das amazonas de um grupo de amazonas, que pareciam seguir a tradição amazônica da mitologia que era amputar um dos seios para poder usar melhor o arco e a flecha, porem Barbara acredita que isso seja um mito e que só existem as amazonas tradicionais, mas todos acreditam que todas as amazonas sejam um mito, já que Barbara fez um acordo de confidencialidade com o governo não pode revelar a existência da Mulher Maravilha ou das amazonas, o que complica mais de convencer os outros de que está certa.

Saindo a noite ela encontra um templo abandonado, o resto da sua equipe sumiu para seu espanto, aparentemente o templo pertenceu as amazonas, porem devido a uma tempestade o local desaba, impedindo que seja visto por outras pessoas, porem eles dizem que é impossível voltar para a caverna com os recursos que possuem, frustrada Barbara começa a encher a cara em um local bem perigoso, um dos membros de sua equipe diz que ela pode se dar mal, mas ela o ignora, porem Barbara acaba desmaiando de bêbada, seu celular com a unica prova sobre o templo é roubado,  por anos ela tenta descobrir de onde as amazonas vieram, porem uma tribo na Tunísia matou o grupo de homens que tinha roubado seu celular e procurado pela ilha das amazonas, apesar do perigo ela não desiste, ao que parece os deuses estão guiando ela para saber mais sobre as amazonas, para assim eles voltarem a ser cultuados pelo resto da humanidade.

Barbara encontra uma ilha no meio do nada, que parece ser a ilha das amazonas, mas lá não existe nada, ela então pensa que pegou o caminho errado para encontrar as amazonas.

nota 5,5

Confira Também...

0 comentários