Header Ads

test

Globo é processada por plágio de Supermax

A estudante de Brasília Roselane Roberto Nonato afirma ter apresentado a ideia da série à emissora em 2014
Primeira série de terror da Globo, Supermax chegou ao fim no último dia 13, com a possibilidade de uma segunda temporada. Mas a emissora pode ter problemas: a TV Globo está sendo processada por plágio.  Roselane Roberto Nonato, estudante da Universidade Católica de Brasília e que trabalha com criação de projetos, acusa a emissora de ter plagiado sua ideia, que foi registrada por ela na Biblioteca Nacional. Ela conversou sobre sua ideia com a Globo em 2014, mas, depois de enviá-la por e-mail, não teve mais resposta. “Eles não responderam e então entendi que eles não se interessaram. Para minha surpresa, lançaram sem minha permissão”, contou em uma entrevista ao site Observatório da Televisão.  Roselane recorreu ao Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) em um processo pelos direitos autorais da obra. Já a Globo afirma desconhecer as informações.