Mulher Maravilha: Grupos do Líbano pedem o cancelamento do filme no país



Um dos motivos seria o fato da atriz principal ser Israelense e ex militar
No mundo todo o filme da Mulher Maravilha está sendo uma garantia de sucesso, porem em diversos países islâmicos como o Líbano o filme pode sofrer boicotes pelo fato da atriz principal ser uma ex militar israelense.

Gal Gadot sofreu diversas criticas quando assumiu o papel, mas na internet ela sofreria ataques por ser uma ex militar israelense, a coisa complicaria pois grupos pedem o banimento do filme, em especial no Líbano, porem a Warner conversou com os órgãos responsáveis do pais que disseram que até agora o banimento não foi confirmado e que o filme poderá passar no país, mesmo assim grupos no país insistem no banimento do filme, afirmando que é o filme é ofensivo por aparentemente "promover valores israelenses", vale lembrar que Israel é considerado um dos países mais feministas do mundo, onde as mulheres tem direitos e deveres iguais aos homens, incluindo a obrigatoriedade do serviço militar.
Fonte CB
guest author area 51  Questão
Profundo conhecedor da cultura pop, fã de conspirações/mitos e lendas é o principal meio de arranjar uma treta com famosos e pseudo-famosos da web.. Twitter / Facebook