Filme da Mulher Maravilha é banido no Qatar


Diversos países islâmicos estão proibindo o filme, acusando ele de promover "valores de judeus e cristãos"
Em um filme sobre deuses gregos e amazonas imortais inicialmente não parece em nada com "valores judeus e cristãos", mas o simples fato das mulheres serem tratadas com igualdade e pela atriz ser israelense judia ex militar fez com que diversos países islâmicos resolvessem banir o filme.

Para esses países a igualdade entre homens e mulheres é um dos "valores de judeus e cristãos", em Israel que é considerado um dos países mais feministas do mundo, homens e mulheres são obrigados a fazer o serviço militar aos 18 anos, fato com que a atriz que interpreta a Mulher Maravilha foi uma ex militar.

A ideia da união de países islâmicos é proibir completamente o filme, os cinemas dos poucos países que estão exibindo da região estão pedindo desculpas para evitar perseguições.
guest author area 51  Questão

Profundo conhecedor da cultura pop, fã de conspirações/mitos e lendas é o principal meio de arranjar uma treta com famosos e pseudo-famosos da web.. Twitter / Facebook