Header Ads

test

Michael Rosenbaum quebra o silêncio sobre o culto sexual de Allison Mack, co-estrela de 'Smallville'

Smallville Tom Welling Michael Rosenbaum, DC, Allison Mack


Michael Rosenbaum revelou seus pensamentos sobre a antiga colega de Smallville, Allison Mack, e seu envolvimento em um culto sexual.
Rosenbaum foi questionado por um ouvinte no podcast “This Past Weekend” de Theo Von, se ele sabia sobre o envolvimento de Mack no culto sexual durante seu tempo no programa.
“É engraçado porque eu escolhi não falar sobre isso apenas porque é tão chocante e tudo o que posso dizer é isto: quando eu estava no programa, Allison era a pessoa mais doce e profissional. Ela era apenas uma ótima garota, uma ótima atriz." Disse Michael.
Rosenbaum também disse que se lembra de ouvir algo sobre "um pouco de culto", mas não achou que fosse tão sério quanto se tornaria mais tarde:
“Eu lembro que ela fazia parte de algo e era diferente do que era agora. Mas eu me lembro dela mencionando algo, há essa organização ou algo assim, ou seja o que for, eu não escutei. ”
Rosenbaum esteve no programa com Mack por oito temporadas, mas diz que você nunca conhece alguém de verdade e quer ver a história completa:
“É como se alguem dissesse: 'Ei, seu irmão matou alguém', e você fica tipo 'Não, ele não matou'. Eu conheço meu irmão. Ele não mataria ninguém ”, disse ele. “Então, para mim, vendo isso, ainda é bizarro, é como se eu quisesse ouvir toda a história. Ainda está por vir, mas acho que muita da história está aí agora e é chocante e surpreendente ”.
Alison Mack foi presa em abril por acusações de tráfico sexual, conspiração por tráfico sexual e conspiração forçada com o culto NXIVM. Mack agora enfrenta um mínimo de 15 anos de prisão.