Akira Toriyama está bolado com as Bolas do Dragão


No dia 21/01 deste ano, mais de uma semana atrás, o editor da revista V Jump publicou um livro especial comemorando o aniversário de 30 anos de DragonBall (essa porra é mais velha que eu!), que dá um bisu geral nesse fenômeno mundial que começou na terra das calcinhas desaparecidas dos varais. O "Dragon Ball 30th Anniversary Super History Book" trouxe um mangá original, rascunhos do véio Tori e uma entrevista com o próprio. Tem também ilustrações de Dragon Ball feitas por outros mangakás. Tem também a curiosa declaração do véio Tori:

"Dentro de mim, Dragon Ball se tornou algo do passado, mas depois eu me decepcionei com o filme live-action, revisei o roteiro para o filme em anime e complained sobr a qualidade do anime. Acho que há um ponto que se tornou ... um trabalho que eu gosto tanto que não posso deixá-lo só."


Esses comentários foram interpretados como porradão pela recepção de Dragonball Evolution, aquela coisa maravilhosa, a melhor adaptação de todos os tempos, e das recentes cagadas em Dragon Ball Super, as tosquíssimas animações e tals. O baguío tava tão zoado que o criador da parada voltou do mundo da aposentadoria para ver se as coisas se acertam! Que bosta!

Na moral, eu assisti o DragonBall Evolution com ESSA cara:


Confira Também...

0 comentários