Resenha: O Espetacular Homem-Aranha - Renovando os Votos #1


Hoje saiu nos torrents comicshops gringos a primeiríssima edição do tie-in do Cabeça de Teia nas novas Guerras Secretas, Renew your Vows, que é basicamente um "O Que Aconteceria se o Aranha não vendesse o seu casamento pro Capeta e deixa-sse a tia desgraçada dele enfim bater as botas".
Já vai tarde, lazarenta!

A história começa com o Cabeça de Teia, Mary Jane e a filhinha bebe deles, Annie jantando no seu apartamento. Peter está carregando alguns cartuchos de teia enquanto a MJ cuida da filha e da uma bronca no marido por estar "trabalhando" quase o tempo todo, chegando cada vez mais tarde em casa, e tenta convencer ele ficar mais em casa.
Não é a Mayday? #durogolpe

Mais tarde, o Peter vai ao Clarim tentar vender algumas fotos dele pro velho JJota, que não pode compra-las já que o novo prefeito está censurando o jornal, proibindo a publicação de fotos de qualquer super herói, que andam andam aos poucos "sumindo" da cidade e, segundo o Ben Urich, alguns vem até aparecendo mortos, caso do Justiceiro e do Cavaleiro da Lua.


O Aranha decide então investigar esses sumiços, indo até a mansão dos Vingadores, onde sem ele saber, os heróis restantes se reuniram pra organizar uma investida contra um tal de Augustos Roman, que estaria supostamente por trás de tudo. Confuso, o Aranha vai peguntar ao Homem de Ferro o porquê dele não ter sido chamado pra festinha, que fala que o Aranha também anda sumido na comunidade heroica, o que Peter diz ser por causa da família.
Todos sabem que não é fácil ser pai de família

O Lata diz que o Aranha pode trazer a família pra morar com os Vingadores na mansão, mas enquanto liga pra mulher pra saber se ela deixa ou não, o Aranha ouve um papo sobre TODOS TODOS TODOS os prisioneiros da Ilha Ryker terem fugido, fazendo o Aranha sair as pressas da mansão, sabendo que um dos vilões iria direto atrás da família dele.


Enquanto o Cabeça de Teia volta pra casa, o resto dos heróis partem pra enfrentar o tal Augustos, que se transformou num novo super vilão chamado Regente. Chegando em casa, o Cabeça de Teia encontra a mulher e filha reféns de ninguém menos que o Eddie Brock, que ainda é o Venom. A partir daí o pau come solto, de um lado os super heróis sendo massacrados pelo tal Regente, e do outro o Aranha descendo o pau no Venom enquanto MJ e Annie fogem pra longe dali.


Depois de não ter sucesso em chamar a ajuda dos Vingadores, que passaram voando por lá, Mary Jane pega uma carona num caminhão de bembeiros, enquanto o Venom vai atrás. Enquanto isso, todos os super hérois acabam sendo mortos pelo Regente.
Punheta? pro Hulk, nunca mais

Venom enfim alcança as duas, mas ao contrario da maioria das modelos e atrizes, MJ tem miolos na cabeça e ela aproveita que os bombeiros estão distraídos com um incêndio pra ligar a sirene no caminhão a todo volume, atrasando o Venom o suficiente pro Aranha alcançar eles e continuar o quebra pau com o simbionte.


Mais uma vez, MJ salva o dia ao perguntar pros bombeiros se ainda tinha alguém dentro do prédio, e ao ouvir que não, berra isso pro marido, que heroicamente DERRUBA O PREIO EM CHAMAS NO VENOM, MATANDO ELE!!!! A HQ acaba com com uma narração em off do Aranha, anos depois daquilo, dizendo que aquela não só os Vingadores, mas o próprio Aranha, e na ultima página vemos o Aranha ensinando a Annie, bem mais velha, a andar na rua enquanto o Abutre rouba a bolsa de uma dona e ele nem dá moral.


Agora vamos a analise. Slott escreve uma história na média, nada espetacular, mas nem por isso ruim... tirando alguns dos vícios que o escritor anda demonstrando recentemente, como mostrar o Cabeça de Teia matando um vilão de maneira superiora e sendo salvo de alguma forma pela namorada ou ex, como anda rolando direto nas edições pós Aranha Superior dele.
Prefiro esse Slott escrevendo as HQs do Aranha

A arte, por outro lado, anda bem caprichada, como já é de costume do Adam Kupert, que desenhará toda essa minissérie. Até o Humberto Ramos faz uma capa alternativa pra essa edição que milagrosamente não tem aquela anatomia grotesca que ele e o Slott amam tanto.

Levei dias pra perceber que o Ramos desenhou isso

Nota: 7,0 (não foi lá muito satisfatório, mas passou de ano)

Confira Também...

0 comentários