Marvel: Sites Nerds estariam sendo pagos para defender mudanças bizarras da editora?

Resultado de imagem para capitão america hydra
A denuncia começou a circular em sites gringos e donos de comic shops
A Marvel possui diversos fãs de suas mudanças em favor da diversidade, apesar de questionável o modo que o que muitos consideram "diversidade forçada" teria sido imposta, "em favor de mudanças radicais contra boas histórias". Podemos todos respeitar o posicionamento dessas pessoas, o que fica difícil é quando supostamente sites "se fariam de cegos" para possíveis problemas em favor de ideologia ou dinheiro.

Diversos pequenos sites gringos e donos de comic shops afirmam em postagens divulgadas em redes sociais que além de fraudar as suas vendas, a Marvel teria chegado a dar dinheiro para que sites tentassem fazer reviews positivos de suas histórias, sem falar de apoiar suas mudanças, inclusive criando uma cartilha de como responder as duras e obvias críticas dos fãs, a seguir vão elas e a minha resposta pessoal a cada uma:

1) É tudo uma metáfora da era Trump - Apesar dos editores, chefes, roteiristas e desenhistas dentro da editora terem dado dinheiro para a campanha presidencial de Trump e suas fundações de ajuda humanitária, a editora tentou insistir que está criticando com suas mudanças radicais a política de trump.

Pode ser verdade que algumas histórias que atacam diretamente o presidente tentaram vender para a parcela da população que o odeia, mas dizer que todas as grandes mudanças foram por esse motivo é realmente tentar fazer o leitor de idiota, as mudanças são radicais para tentar vender mais quadrinhos, eles tentaram focar em um público que acabou não comprando, basicamente aquela galera que faz textão na internet, mas quando se tata de comprar as revistas apenas prefere gastar seu dinheiro com outras coisas.

2) A Diversidade forçada não funcionou porque os leitores são "reacionários" ou "conservadores" -  Os Leitores de quadrinhos são conservadores, mas não no sentido político e sim no sentido de que querem seus heróis clássicos seguindo um padrão de personalidade, esse fato é o que tem feito os quadrinhos de super heróis ainda existirem por 100 anos, eles aceitam novos personagens, mas não aceitam que a editora "destrua" seus personagens clássicos para isso, os leitores não querem que os personagens sejam "indignos", "virem vilões", "morram" e etc, eles querem que o novo e o antigo andem juntos, afinal qual é o sentido de um legado passando o manto quando ele é "maligno"?
 
3) A Hidra não é mais nazista, relaxem é tudo uma metáfora a era trump - Novamente não importa o que a Marvel tente fazer, a Hidra sempre será uma organização nazista, ela foi criada para usar os nazistas em aventuras, não tem como não vincular ela ao nazismo.

4) Mega sagas são necessárias para aquecer as vendas, os leitores não podem reclamar disso - O que um leitor mais odeia é ter que parar com a revista que gosta, para entrar em spin offs que atrapalham completamente sua leitura, sem falar que normalmente com tantas mega sagas o leitor se perde completamente em saber que versão do personagem ele está vendo.

5) A Marvel não está em crise, de fato ela nunca vendeu tanto - Apesar dos próprios chefões da Marvel terem dito que a editora está em crise, alguns sites ficam insistindo que as vendas estão boas, mostrando analise de vendas (do tempo que os editores admitiram que estavam maquiando), como justificativa para o rendimento da marvel.

A editora publica em média 105 edições contra 60 da DC, sem falar que cancelou 60 revistas que nem chegaram no número 10 esse ano, ou seja ela cancelou o mesmo número de revistas que a DC está vendendo atualmente, além das baixas vendas isso demonstra claramente que a editora tem se perdido, enchendo as bancas de títulos que ela sabe que não vão funcionar, apenas para tentar vender mais por serem de primeiras edições.
 Resultado de imagem para captain america hydra
6) Relaxem a Marvel está aprendendo com seus erros - Não, a Marvel não aprendeu nada com seus erros, ela não admitiu que o que falta são boas histórias, em seu pronunciamento oficial ela culpou os leitores pelas baixas vendas, acusando e eles de serem reacionários e sendo culpa deles as vendas estarem baixas, não admitindo que as histórias estavam ruins, que as mudanças nos personagens clássicos foram desnecessárias, que lançar mega saga em cima de mega saga desgasta o publica, ainda que ter tantos títulos torna impossível de um leitor acompanhar todas as mudanças que está acontecendo em seu universo.

A Marvel é vinculada a Disney, que assim como grandes estúdios e corporações, supostamente pagariam a veículos de comunicação (incluindo sites) direta ou indiretamente para falar bem de seus produtos (merchandising), assim como diversas outras empresas (um caso curioso aconteceu com a Sony). Isso inclui o mercado de quadrinhos, então, algum site falando apenas pontos positivos de determinada série considerada ruim pela maioria do público levantaria dúvidas sobre sua veracidade. Vale lembrar que a prática do merchandising é lícita, desde que haja algum informe sobre se tratar de um post patrocinado, destacado no conteúdo.

Não é só entre os fãs de quadrinhos que a teoria do "post pago" é constantemente questionada, video games e filmes também tem casos conhecidos da adoção deste tipo de pratica como podem ver aqui, aqui e aqui.

Update em 28/04/2017
guest author area 51  Questão
Profundo conhecedor da cultura pop, conquistou sua namorada através de Vodu e Photoshop. Fã de conspirações/mitos e lendas é o principal meio de arranjar uma treta com famosos e pseudo-famosos da web.. Twitter / Facebook