A historia da Federação e outros governos do Quadrante Alfa


A Galaxia nunca foi completamente explorada pela Federação, por isso ela foi dividida em 4 setores, sendo o setor onde se estabelece a Federação e outros governos chamado de Quadrante Alfa, sendo que a maioria da galaxia permanece inexplorada pelas raças do Quadrante Alfa, no seculo 24 alguns pedaços de outros quadrantes foram explorados, com dois grandes eventos, a abertura do buraco de minhoca em Bajor que ligava o quadrante Alfa para o quadrante delta governado pelo Dominion (na serie Deep Space Nine) e quando a nave Voyager foi jogada no quadrante Delta, onde se pode explorar o território governado pelos Borg.
(Os progenitores)
Antes da existência das raças do quadrante Alfa existiam duas raças distintas, os Preservadores e os Progenitores há 4,5 bilhões de anos atrás, os Preservadores são mais antigos e não mantinham contato com os Progenitores, acreditando que estavam sozinhos, os Progenitores geminaram seu dna pela Galaxia, em especial no Quadrante Alfa, manipulando a evolução natural das especies para que se parecessem humanoides como eles, já os Preservadores são de uma localização desconhecida, mas preservaram diversas especies que acreditavam no futuro serem extintas abduzindo e transportando em colonias as quais elas pudessem viver (muitos humanos foram capturados em diferentes períodos do tempo e levados para planetas aos quais pudessem viver).
( O ultimo dos Tkon)
O império Tkon conquistou todo o Quadrante Alfa, na época que a maioria das especies eram primitivas,  eles surgiram 600 mil anos antes do surgimento da Federação, seu império ruiu durante a chamada por eles de Era de Makto quando um sol se tornou supernova em seu sistema capital, logo depois guerras internas exterminaram quase o resto deles, sobrando apenas um que foi encontrado pela nave Enterprise na serie a Nova Geração.
(As primeiras raças a formar a Coalizão que mais tarde daria origem a Federação)
A Federação
Os Vulcanos depois de milhares de anos de guerras se tornaram uma especie unida pelo ideal de Surak, se tornando uma raça logica e espiritual, se dividindo em duas facções que dariam origem aos Vulcanos modernos e aos Romulanos (que não adotavam os ensinamentos de Surak).

Em 2063 após as guerras eugênicas e a 3 guerra mundial a humanidade tem o primeiro voo de dobra espacial e faz contato com os Vulcanos, a Terra era governada por miliciais, após o 1 contato houve bastante resistencia, mas com a tecnologia dos vulcanos limpando a poluição radioativa e ajudante a humanidade, logo foi formado o governo unido da Terra, a humanidade seria doutrinada e civilizada pelos Vulcanos, que constantemente estariam monitorando e determinando o desenvolvimento tecnológico dela até 2151 quando a primeira nave espacial de dobra 5 da Frota Estelar foi lançada chamada de Enterprise (eventos da serie Enterprise), a humanidade entrou em contato com diversas especies durante a exploração espacial como os Andorianos (rivais na época dos Vulcanos) e foi atacada pelos Xindi, manipulados por uma raça extra dimensional, depois de uma guerra intergalática, o capitão da Enterprise Jonathan Archer encontraria os ensinamentos de Surak e seu Katra (sua alma transferida para ele), ele então entregaria aos Vulcanos que mudariam completamente de atitude com a humanidade, dando a ela tecnologias para defender o setor espacial, levando a uma Coalizão de diversas especies contra a ameaça do império Romulano em 2154, em 2161 essa Coalizão se expandiria formando a Federação dos Planetas Unidos, que se situaria no meio do Quadrante Alfa, os Xindi outrora inimigos fariam parte dela, as raças fundadoras da Federação contribuirão para o desenvolvimento tecnológico da Frota Estelar, que aceitaria membros de qualquer especie aliada com a Federação.

A Federação seria diferente dos outros governos intergaláticos por ser uma democracia (nos moldes das democracias humanas), formada por políticos e um presidente eleito, aceitando representantes diplomáticos de outros governos, até mesmo governos inimigos como embaixadores, tendo suas leis da federação como regras dentro dos planetas, mas permitindo a independência de governos internos delas que respeitavam essas leis, proibindo a pratica intergalática da escravidão em seu território.

Apesar da Federação ser considerada pacifica, contatos com outras civilizações levaram ela a diversas guerras, tendo assim a necessidade de tornar ela uma sociedade militarista, tendo bastante parte de seus recursos sendo devotada para  a Frota Estelar, focada em exploração e guerra.

Durante a criação do Governo Unido da Terra foi criada a Seção 31, um grupo de espionagem nos estilos das agencias do serviços secretos humanos, durante a criação da Federação em 2161 ela foi oficializada como tal dentro da Frota Estelar.

A Seção 31 tinha liberdade total em suas atuações, estão acima das leis  estabelecidas pela Federação, mais tarde estabeleceu um setor chamado de Policiamento no Tempo, que criou regras para as viagens temporais.
(Kahless o fundador do Imperio Klingon)
Os Klingon tinham diversos governos governados por casas de poder (como os governos medievais europeus humanos), quando Kahless surgiu e em sua historia matou os deuses que governavam os Klingons, estabelecendo assim modo de vida Klingon e o Império Klingon há milhares de anos atrás, sendo dito que um dia voltaria para liderar os Klingons para uma ultima grande batalha.

O império Klingon foi governado inicialmente por um imperador, mais tarde por um Chanceler e um conselho, por gerações os Klingons evitavam uma guerra civil, mandando seus mais jovens para conquistar civilizações expandindo o império e trazendo gloria para suas casas, passando a gloria e fortuna para as gerações futuras, isso levou a uma guerra interna das casas que lutavam por debaixo dos panos por poder.

Em 2151 os Klingons tiveram o primeiro contato com os humanos, após serem atacados por Humanos geneticamente alterados, eles tiveram a ideia de transmitir esses melhoramento genéticos em seu povo, isso levou a uma alteração genética que se espalharia por algumas partes de sua raça, modificando parte do povo Klingon, esses modificados tinham a mesma força e eram mais inteligentes que um Klingon comum,também possuíam uma aparência humana porem eles sentiam medo e emoções humanas, muitos Klingons começaram a morrer com uma gripe transmitida por eles, o Dr Plhox ajudou a encontrar uma cura, mas os infectados ficaram com as características dos Klingons modificados, mais tarde eles encontrariam uma cura definitiva e os klingons humanoides seriam vistos como parias.

Em 2293 os Klingons e a Federação entraram em um acordo após a destruição do planeta natal Kronos, os Klingons manteriam o território de seu império e fariam parte da Federação.
O Império Romulano
Fundado por dissidentes Vulcanos que migraram de seu mundo natal para um novo, eles não possui as características de logica vulcana, ainda estão ligados ao seu passado violento, mas possuem todas as vantagens físicas dos Vulcanos.

Eles viraram uma raça paranoica e xenofobica, convencida de sua superioridade sobre as outras raças, governados por um senado e um pretor, nos moldes da roma antiga, eles criaram uma inteligencia militar chamada de Tal Shiar, a hostilidade com os humanos nasceu com o primeiro contato, logo levou a hostilidade e guerra após os humanos criarem uma coalização junto com Vulcanos, Andorianos e outras raças, mais tarde esse conflito levaria a criação da Federação e o tratado da Zona Neutra que estabeleceria os territórios dos governos, os romulanos se isolariam durante 100 anos, ocasionalmente mandando naves através da zona neutra, criando um estado de guerra fria entre o Imperio Romulano e a Federação.

Durante a guerra com os Dominion no seculo 24, o Imperio Romulano se aliou com a Federação contra a potencia invasora, depois que um senador foi morto por uma nave dos Dominion, o que levaria a expulsão do Dominion do quadrante alfa, 
A União Cardassiana surgiria no seculo 19, com a criação do conselho Detapa, tendo o Centro de Comando como o chefe das forças armadas e a Ordem Obsidiana como central de inteligencia, nessa época os Cardassianos eram ainda uma raça espiritual e pacifica, porem anos de fome e miséria no seu planeta natal levaria a uma corrida armamentista a qual eles começaram a conquistar planetas para manter seu povo vivo, isso fez com que o conselho fosse praticamente dissolvido e o centro de comando e a ordem obsidiana tomassem o poder, todas as empresas privadas e riquezas particulares foram absorvidas pelo governo.

Eles conquistaram mudo após mundo, estabelecendo regime de escravidão em todos os povos conquistados para que toda a riqueza de seus mundos fosse para a União Cardassiana, isso gerou lucros para todo seu povo até a invasão de Bajor, após anos de escravidão ao pacifico povo de Bajor a Federação interviu com seus embaixadores, e após anos de opressão o povo de Bajor foi libertado do julgo dos Cardassianos, 

Após as enormes perdas dos Cardassianos ao terem se unido com os Dominion contra a Federação, fez com que um governo civil surgisse, forçado a se reerguer de suas cinzas, já que tinha sofrido as maiores baixas durante essa guerra.
A Aliança Ferengi
Os Ferengi sempre foram um povo pacifico, sem guerras mundiais, racismo, crime ou miséria, sempre vivendo em um estado de puro capitalismo, como se o seu governo fosse uma enorme empresa, todas suas conquistas tecnológicas foram obtidas assim, já que eles compraram o motor de dobra e tecnologias de combate, misturando diversas tecnologias em sua frota, considerada equiparada com as naves da Federação, sendo assim reconhecida como uma das maiores potencias do setor.

Os Feregis seguem as regras das aquisições que tem o mesmo valor de lei e código de religião, o seu governo que age como uma empresa tem um presidente chamado de Grande Nagus, eles são puramente focados na obtenção de lucro e na criação de novos negócios, sendo assim não são vistos como uma grande ameaça por outros governos do quadrante alfa, eles são sempre neutros em guerras e tem uma sociedade patriarcal e machista, mas isso foi mudando e no final do seculo 24 o Grande Nagus desse tempo viu que não era lucrativo deixar as mulheres submissas e fora do mercado de trabalho, ele então estabeleceu um governo igualitário que logo germinou, alguns Ferengi até mesmo conseguiram entrar na Federação, como seu governo é neutro, eles puderam se inscrever na academia da frota estelar, tendo alguns virado até capitães de naves de exploração, sendo reconhecidos como diplomatas melhores até mesmo que os Vulcanos, assim mandados para negociar com forças invasoras e inimigas da Federação.
A Confederação dos Breen
Isolacionistas e xenofóbicos, os Breen tiveram pouco contato com outras raças alienígenas, possuem uma natureza guerreira, já estando em guerras com os Klingon e os Romulanos no passado, todos os Breen usam roupas especiais ambientais, sugerindo que seu mundo tem um meio ambiente completamente diferente da maioria dos mundos natais das raças do quadrante alfa, alguns serviços de inteligencia dizem que o mundo deles é comum e pode ser habitado por quase todas as raças, significando que eles usam suas roupas por outro motivo, para sempre ficarem prevenidos de ataques ou de serem jogados no espaço.

Os Breen se aliaram com os Cardassianos e os Dominion contra a Federação, após perderem a guerra fizeram um tratado de paz com a Federação.
A Assembleia dos Tholian

São uma poderosa, xenofobista, isolacionista e não humanoide raça, chegando a ter conflitos com a Federação diversas vezes, sendo que nunca escalou para uma guerra.

Os Tholian possuem uma arma conhecida como a rede Tholian em que diversas naves criam um campo e destroem tudo ao seu redor, nenhuma força alienígena resistiu a ela, eles preferem viver isolados e vivem em uma sociedade de colmeia, nunca querendo invadir outros territórios até agora.

O Governo de Bajor
São uma das raças mais antigas do quadrante, tendo surgido como civilização 500 mil anos atrás, no seculo 16 desenvolveram capacidade de viajar pelas estrelas, estabelecendo sua civilização na religião dos profetas ( poderosos seres extra dimensionais que parecem verdadeiras divindades e vivem no buraco de minhoca próximo a Bajor).

Os Bajorianos viviam em guerras interestelares, mas apos adotarem um governo baseado na religião as guerras acabaram, eles viveram em uma sociedade pacifica por seculos, abandonando até mesma a pretensão de expansão.

Mas tudo mudou de 2319 a 2369 quando a União Cardassiana invadiu o seu sistema e planeta natal, os Cardassianos escravizaram os Bajorianos, que foram facilmente conquistados sendo um povo pacifico e sem exercito organizado.

Os Bajorianos armados com sua fé criaram grupos organizados de resistência contra os Cardassianos, com a ajuda diplomática da Federação e muita luta eles conseguiram finalmente libertar seu povo em 2369, quando os Cardassianos viram que os custos de manter Bajor sobre seu domínio eram maiores do que os lucros explorando seu povo.

Quando o buraco de minhoca foi descoberto em Bajor as hostilidades voltaram, com os Dominion tentando expandir seu território e dominando o buraco de minhoca, mais tarde se aliando a Federação contra a invasão, mas nunca sendo parte da Federação, mesmo assim por muita pressão do povo Bajoriano a Federação estabeleceu um tratado de aliança, mas sem aceitar Bajor como membro dela.
Os Talarianos
Os Talarianos vivem em seu sistema natal, raramente saindo dele, ao longo dos seculos tiveram pequenos conflitos com a Federação, vivendo em uma sociedade pacifica sem governo unificado, mas extremamente patriarcal, apesar disso todos devem seguir suas leis dentro do seu sistema.

Mais tarde se tornariam aliados da Federação e grandes descobridores de avanços científicos, mas nunca sendo membros da Federação.
A Hegemonia Gorn
O governo dos repitilianos Gorn, vivem somente em seu sistema e tiveram um breve conflito com a Federação na disputa por uma colonia, quando para resolver a disputa seus capitães se enfrentaram em um duelo, James T Kirk representava a Federação e venceu em combate o capitão dos Gorn ganhando fama dentro dos Gorn depois de ter poupado a vida do gorniano a qual lutou.

Uma de suas maiores especiarias é o vinho Gorniano, uma bebida alcoólica azul.
O Sindicato de Orion
São considerados por muitos uma organização criminosa, já que seu governo tem leis que permitem a maioria dos crimes em outras civilizações, são extremamente capitalistas, suas empresas que fazem parte do sindicato se espalharam por toda o quadrante.

No passado os Orion eram uma sociedade matriarcal com as mesmas características de hoje, mas que escravizava os membros masculinos da especie, depois de uma revolução isso foi invertido, virando uma sociedade patriarcal onde as fêmeas podem ser escravizadas, os Orion são fisicamente mais fortes que os humanos, rivalizando com os Klingon, as fêmeas podem soltar feromônios  poderosos que podem enfeitiçar membros de qualquer especie humanoide, exceto os machos de sua especie que adquiriram uma imunidade natural a eles ironicamente.

Durante a Guerra com os Dominon eles negociaram com ambos os lados, um fato que até mesmo os Ferengi não fizeram, já que os Ferengi decidiram apenas negociar com a Federação e os Romulanos.
Os Maquis
Em 2369 um tratado de paz foi estabelecido entre a Federação e os Cardassianos sob a disputa de colonias, porem alguns cidadãos da Federação que tiveram que sair de suas colonias como parte do pacto viram a opressão dos Cardassianos sobre diversos mundos, vendo a escravidão desses mundos pelos Cardassianos e a Federação sem resolver nada, decidiram criar um grupo paramilitar miliciano chamado de os Maquis para combater os Cardassianos.

Mais tarde membros de povos conquistados pelos Cardassianos se uniram a eles, criando assim uma frota rebelde, fazendo ataques surpresas em planetas e libertando pessoas escravizadas, clamando para que os planetas na fronteira com a Federação fossem libertados.

A Federação e o governo Cardassiano os viam como terroristas, já que vingança é algo considerado superado pela sociedade utópica da Federação, mesmo assim dentro da Federação muitas pessoas simpatizavam com os Maquis fazendo com que o conflito se escalasse dentro da Federação como um conflito ideológico.

Muitos oficiais da Federação abandonaram seus postos, chegando a roubar naves para se unirem ao movimento dos Maquis, aumentando cada vez mais sua frota e os problemas diplomáticos entre a Federação e os Cardassianos, sem falar de uma divisão dentro da sociedade utópica da Federação.

Confira Também...

0 comentários