Fluffy Horde: game indie premiado ganha trailer e data de lançamento

 Fluffy Horde, jogo ganhador do prêmio Excelência em Tecnologia e finalista em outras três categorias no Gamepolitan 2016 (melhor narrativa, melhor som, melhor arte) será lançado em setembro deste ano para PC na Steam (Windows, Mac e Linux). O título, em desenvolvimento pela Turtle Juice, foi um dos vencedores do edital de games de 2016 da Spcine, está concorrendo aos prêmios do BIG Festival e aguardando aprovação no Steam Greenlight.

Segundo o enredo do jogo, "o reino está sendo invadido por uma horda de coelhos que se reproduzem freneticamente dominados por um Xamã incompreendido. Após ter tido um lar negado em todos os três reinos, o Xamã decidiu reunir suas hordas e jogá-las como pragas, destruindo os moinhos de vento dos humanos, quebrando os cristais dos pigmeus e corrompendo a árvore sagrada dos elfos. O jogador deverá usar seu exército (que conta com um garoto fantasiado de cenoura) para dizimar os coelhos uma cidade por vez".

 

Inspirado em jogos de estratégia em tempo real como Warcraft: Frozen Throne, Age of Empires e tower defenses como Kingdom Rush e Plants vs. Zombies, Fluffy Horde tem controle individual de personagens, com coordenação e posicionamento ao longo do mapa alongado na horizontal, o que permite tráfego em plataformas diversas. A narrativa tem o apoio de belos gráficos em pixel art e divertida trilha sonora, que garantem o clima bem humorado da trama.


A equipe do desenvolvedores conta com os brasileiros Ernani Rocha (game designer), Tales Demídio (animador), Glauber Barreto (músico) e Bhernardo Viana (controle de qualidade); também integram o time o programador sírio Bashar Saade, e o ator londrino Will Bond (dublagem).

Versões para PS4, Nintendo Switch, Xbox One, iOS e Android também estão sendo planejadas.

Fonte: Press Release
 
guest author area 51  Gisele
Administradora com MBA em Administração e Marketing, contabilista, jornalista, desenhista, locutora, podcaster, professora e graduanda em Artes, é uma criatura de extrema modéstia. É mãe de gatos imaginários. Twitter / Facebook