Header Ads

test

Resenha HQ Fan: O Espetacular Homem-Aranha #1


De volta ao básico, como a Panini devia dizer.


Pra quem não sabe, uma das maiores agonias na minha vida, e de muitos fãs, enfim acabou: a interminável fase do Dan Slott no Homem-Aranha enfim acabou, e pra comemorar, nada como falar bem da nova fase do Aranha, afinal chutar cachorro morto nunca perde a graça.

Mas antes, um minuto de silêncio pros fãs do Sr. Stark e do Quarteto

Claro que não vou falar da fase completa (afinal ela ainda nem acabou), mas das edições presentes em O Espetacular Homem-Aranha #1, que reúne a edição de Free Comic Book Day do Aranha de 2018, e as Amazing Spider-Man #1 e 2, todas escritas por Nick Spencer (ainda infame pelo Capitão América Nazista), com os traços de Ryan Ottley (Invincible, como podem notar pelas caras do Peter e MJ) e Humberto Ramos (nos livramos do Slott, mas não dele).

Qualquer semelhança não é mera coincidência

Vamos começar pelo personagem em si: voltamos a ter um Homem-Aranha responsável de verdade e maturo emocionalmente. Sim, ele ainda faz piadas, mas não vemos ele agindo de forma infantil, puxando briga com outros heróis por razões bobas, pelo contrário, disposto a dar a vida pra salvar heróis que agora o odeiam (boa jogada do Rei do Crime) de uma invasão alienígena (sorte ser tudo obra do Mysterio).

Tarde pra avisar que é uma resenha com spoilers? Esse material tem um ano e a HQ saiu faz quase uma semana aqui, então já sabem onde enfiar o pau se reclamar

A trama em si também diverte bastante, não só pelas piadas e referências (incluindo alfinetadas à fase Superior), mas pela própria trama, que mostra a vida do Peter, pra variar, se complicando (mas não exatamente desgraçada), com o Aranha ganhando o pior colega de quarto do mundo (que por acaso é um super-vilão), fora ser publicamente humilhado e perder o emprego depois de descobrirem que a tese de doutorado dele "plagiou" o trabalho de um certo Otto Octavius (achou que sairia impune pelo Superior? ACHOU ERRADO OTÁRIO!!!), mas com novas oportunidades, como voltar pra faculdade pra fazer o doutorado direito (sob a supervisão de professor escamoso que sempre precisa de uma mãozinha), fora uma relação que foi um verdadeiro tapa na cara do Dan Slott:

Ultimo Arco do Slott X Primeira Edição do Spencer

Mas não é tudo só velharia e piada, pois essa edição ainda apresenta duas novidades que levaram a arcos bastante violentos no futuro: temos a dupla Treinador e Formiga Negra, trazidos da controversa fase do Capitão Nazista do Spencer, agora trabalhando pra um psicopata pior que o referido seguidor do  Ele Mesmo, e um novo vilão inédito e ainda sem nome, vindo das profundezas do inferno pra ferrar a vida do Aranha... sem exagero, é isso mesmo, tanto que foi ele quem trouxe o Mysterio pra fora do inferno depois do suicídio dele em Diabo da Guarda.

Sim, faz quase uma década que o Slott ressuscitou o Mysterio, e só agora alguém explicou como

Em resumo, temos uma edição aqui que equilibra o velho ar de nostalgia com algumas boas novidades, e muitos ganchos pro futuro, repleto de histórias tanto hilárias como sinistras... só não custava conseguir artistas melhores pra elas, né? Nota: 9,0

Sério, o RUIMberto Ramos é sacanagem

guest author area 51  Polvo Aranha
Gênio, bilionário, playboy, filantropo, amigão dos roteiristas... só que não. Twitter / Facebook